A NFL não quer que os jogadores troquem camisas depois do jogo e não sabemos nem como reagir
Em um esporte definido pelo contato físico constante e repetido, talvez trocar de camisa com o adversário, ao final, não seja uma medida com tanta eficácia no combate ao coronavírus (mas vamos aguardar os especialistas pra não queimar a língua)
09/07/2020 17h50 - por Marcelisco
O insider da NFL Network, Tom Pelissero, tuitou a respeito dos protocolos de segurança e saúde a serem implementados pela liga, na tarde de hoje, e um deles chama mais a atenção do que os outros.

Além de proibir interações entre os jogadores dos diferentes times, após a partida, dentro de uma distância de 6 pés (pouco mais de 1,82), a NFL vai proibir a já tradicional troca de camisas entre os adversários.

Pois é.

Bloquear? Pode. Derrubar? Pode. Encostar? Pode. Interceptar o passe? Pode. Pegar do chão a bola que o adversário derrubou? Pode também.

O que não pode e vai garantir que o COVID-19 não seja transmitido nas partidas da NFL é a troca de camisas entre os jogadores depois de bloquear, derrubar, encostar e tudo mais.

Isto é: se tiver temporada.




Obrigado por comentar!
Erro!